a Bíblia legaliza a maconha

nas passagens ou capítulos: Gênesis e Apocalipse há demonstrações de exaltação a maconha: "a erva verde" sagrada e sendo usada como aditivo transcedental nas profecias de João versando o Apocalipse. E servindo de fonte de criação do Mundo no Gênesis. Primeiro vejamos o Apocalipse: 



 "E o fumo do incenso subiu com as orações dos santos desde a mão do anjo até diante de Deus."
 E o anjo tomou o incensário, e o encheu do fogo do altar, e o lançou sobre a terra; e houve depois vozes, e trovões, e relâmpagos e terremotos."
E o sete anjos, que tinham as sete trombetas, prepararam-se para tocá-las.
E o primeiro anjo tocou a sua trombeta, e houve saraiva e fogo misturado com sangue, e foram lançados na terra, que foi queimada na sua terça parte; queimou-se a terça parte das árvores, e toda a erva verde foi queimada."

Apocalipse Cap.8.7


"E o nome da estrela era Absinto, e a terça parte das águas tornou-se em absinto, e muitos homens morreram das águas, porque se tornaram amargas."

Apocalipse Cap.8.11

"1 O quinto anjo tocou a sua trombeta, e vi uma estrela que do céu caíra sobre a terra; e foi-lhe dada a chave do poço do abismo.
2 E abriu o poço do abismo, e subiu fumaça do poço, como fumaça de uma grande fornalha; e com a fumaça do poço escureceram-se o sol e o ar.
3 Da fumaça saíram gafanhotos sobre a terra; e foi-lhes dado poder, como o que têm os escorpiões da terra.
4 Foi-lhes dito que não fizessem dano à erva da terra, nem a verdura alguma, nem a árvore alguma, mas somente aos homens que não têm na fronte o selo de Deus."

...


"17 E assim vi os cavalos nesta visão: os que sobre eles estavam montados tinham couraças de fogo, e de jacinto, e de enxofre; e as cabeças dos cavalos eram como cabeças de leões; e de suas bocas saíam fogo, fumaça e enxofre.
18 Por estas três pragas foi morta a terça parte dos homens, isto é, pelo fogo, pela fumaça e pelo enxofre, que saíam das suas bocas.
19 Porque o poder dos cavalos estava nas suas bocas e nas suas caudas. Porquanto as suas caudas eram semelhantes a serpentes, e tinham cabeças, e com elas causavam dano."

Apocalipse Cap.9


"16 E fez que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, lhes fosse posto um sinal na mão direita, ou na fronte,
17 para que ninguém pudesse comprar ou vender, senão aquele que tivesse o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome.
18 Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis."

Apocalipse Cap.13 


Agora uma passagem profética de João, na qual, seria uma espécie de bad trip. Observe:


" E o fumo do seu tormento sobe para todo o sempre; e não têm repouso nem de dia nem de noite os que adoram a besta e a sua imagem, e aquele que receber o sinal do seu nome."



Apocalipse Cap.14.11




A profecia lisérgica de João começa a se estabilizar:


"E o tempo encheu-se com o fumo da glória de Deus e do seu poder; e ninguém podia entrar no templo, até que se consumassem as sete pragas dos sete anjos."




Apocalipse Cap.15.8




e partindo do final dessa experiência profética, João conclui: 




"6 Disse-me ainda: está cumprido: Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim. A quem tiver sede, de graça lhe darei a beber da fonte da água da vida.
7 Aquele que vencer herdará estas coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho.
8 Mas, quanto aos medrosos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos adúlteros, e aos feiticeiros, e aos idólatras, e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago ardente de fogo e enxofre, que é a segunda morte."


Apocalipse Cap.21



Cito aqui também a apologia a maconha no Gênesis:


  1. Chamou Deus ao elemento seco terra, e ao ajuntamento das águas mares. E viu Deus que isso era bom.
  2. E disse Deus: Produza a terra relva, ervas que dêem semente, e árvores frutíferas que, segundo as suas espécies, dêem fruto que tenha em si a sua semente, sobre a terra. E assim foi.
  3. A terra, pois, produziu relva, ervas que davam semente segundo as suas espécies, e árvores que davam fruto que tinha em si a sua semente, segundo as suas espécies. E viu Deus que isso era bom.
  4. E foi a tarde e a manhã, o dia terceiro.


....


  1. Criou, pois, Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
  2. Então Deus os abençoou e lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos; enchei a terra e sujeitai-a; dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu e sobre todos os animais que se arrastam sobre a terra.
  3. Disse-lhes mais: Eis que vos tenho dado todas as ervas que produzem semente, as quais se acham sobre a face de toda a terra, bem como todas as árvores em que há fruto que dê semente; ser-vos-ão para mantimento.
  4. E a todos os animais da terra, a todas as aves do céu e a todo ser vivente que se arrasta sobre a terra, tenho dado todas as ervas verdes como mantimento. E assim foi.
  5. E viu Deus tudo quanto fizera, e eis que era muito bom. E foi a tarde e a manhã, o dia sexto.

Genesis Cap.1


  1. Assim foram acabados os céus e a terra, com todo o seu exército.
  2. Ora, havendo Deus completado no dia sétimo a obra que tinha feito, descansou nesse dia de toda a obra que fizera.
  3. Abençoou Deus o sétimo dia, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que criara e fizera.
  4. Eis as origens dos céus e da terra, quando foram criados. No dia em que o Senhor Deus fez a terra e os céus
  5. não havia ainda nenhuma planta do campo na terra, pois nenhuma erva do campo tinha ainda brotado; porque o Senhor Deus não tinha feito chover sobre a terra, nem havia homem para lavrar a terra.
  6. Um vapor, porém, subia da terra, e regava toda a face da terra.
  7. E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou-lhe nas narinas o fôlego da vida; e o homem tornou-se alma vivente.
  8. Então plantou o Senhor Deus um jardim, da banda do oriente, no Éden; e pôs ali o homem que tinha formado.
  9. E o Senhor Deus fez brotar da terra toda qualidade de árvores agradáveis à vista e boas para comida, bem como a árvore da vida no meio do jardim, e a árvore do conhecimento do bem e do mal.
  10. E saía um rio do Éden para regar o jardim; e dali se dividia e se tornava em quatro braços.
  11. O nome do primeiro é Pisom: este é o que rodeia toda a terra de Havilá, onde há ouro;
  12. e o ouro dessa terra é bom: ali há o bdélio, e a pedra de berilo.
  13. O nome do segundo rio é Giom: este é o que rodeia toda a terra de Cuche.
  14. O nome do terceiro rio é Tigre: este é o que corre pelo oriente da Assíria. E o quarto rio é o Eufrates.
  15. Tomou, pois, o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Édem para o lavrar e guardar.
  16. Ordenou o Senhor Deus ao homem, dizendo: De toda árvore do jardim podes comer livremente;
  17. mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dessa não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.
  18. Disse mais o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora que lhe seja idônea.
  19. Da terra formou, pois, o Senhor Deus todos os animais o campo e todas as aves do céu, e os trouxe ao homem, para ver como lhes chamaria; e tudo o que o homem chamou a todo ser vivente, isso foi o seu nome.
  20. Assim o homem deu nomes a todos os animais domésticos, às aves do céu e a todos os animais do campo; mas para o homem não se achava ajudadora idônea.
  21. Então o Senhor Deus fez cair um sono pesado sobre o homem, e este adormeceu; tomou-lhe, então, uma das costelas, e fechou a carne em seu lugar;
  22. e da costela que o senhor Deus lhe tomara, formou a mulher e a trouxe ao homem.
  23. Então disse o homem: Esta é agora osso dos meus ossos, e carne da minha carne; ela será chamada varoa, porquanto do varão foi tomada.
  24. Portanto deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e unir-se-á à sua mulher, e serão uma só carne.
  25. E ambos estavam nus, o homem e sua mulher; e não se envergonhavam.





No segundo capítulo de Gênesis nota-se que todos nós somos oriundos da natureza. A mulher e a natureza são bifurcadas num só ser que chamo de verdadeiro Deus. O homem antecede a mulher na criação do mundo. O capítulo 2 do Gênesis conta a criação do mundo de modo decrescente, invertido. Ou seja, muda-se a ordem das origens dos seres descobre-se que toda erva que gera semente também nos gerou: Gente. Primeiro a mulher-natureza que dá a luz ("Haja luz! Faça-se a luz") A GRAVIDEZ A CRIAÇÃO A INVENÇÃO. A mulher, a natureza, a luz são simbologias inerentes a erva. Erva sagrada. Portanto, A Bíblia Sagrada legaliza o uso da maconha. 









Felipe Rey

Postar um comentário

6 Comentários

  1. Um prensado na folha do Salmo 91 é muito bom! Aí, pode cair 10 mil à esquerda, 100 mil à direita que a gente cai na chapa também!

    ResponderExcluir
  2. da origem do mundo até a profecia do fim. A erva será a semente de toda a transgressão de pensamento livre. é só ser pastor da Igreja Gravitacional de João Profeta Verde.

    ResponderExcluir
  3. descanse pois estamos no sétimo dia.

    ResponderExcluir
  4. a Bíblia é clichê, é cool, é pós-moderna ou um guia para escoteiros?

    ResponderExcluir
  5. FALTOU O CAP 22,2 DE APOCALIPSE - A ARVORE DA VIDA, CUJA FOLHA É A CURA DE TODAS AS NAÇÕES!!!!! SE NÃO FOR A MACONHA QUAL SERIA ENTÃO?

    ResponderExcluir